Felizes Para Sempre (Happily Ever After) é o quarto livro da série A Seleção. O livro de Kiera Cass é uma coletânea de contos que fazem jus a trilogia original, tratando de histórias que aconteceram antes ou durante dos livros principais, narradas por outros personagens. O livro é indicado para aqueles que, pelo menos, leram os três primeiros livros, pois assim verão algo mais significativo ao longo das páginas. Conta com imagens e desenhos maravilhosos, feitos a mão, além de introduções da Kiera antes de cada conto, relatando curiosidades sobre o processo de escrita ou a criação do personagem e como ela se sente sobre ele (ou ela). E, como surpresinha, ainda conta com um epílogo extra de A Escolha e ainda um pouco sobre o que aconteceu com algumas das selecionadas. Confiram: 

1. A Rainha

O primeiro conto é uma antologia, narrada por Amberly Schereave em sua trajetória na seleção de Clarckson



"Até eu estava ansiosa para descobrir esta história. " conta Kiera na Introdução "Eu amo Amberly. Por ser mãe, olho para ela com uma grande admiração. Ela é encantadora, inteligente, elegante, bonita; e apesar de já ter vivenciado sua dose de tristeza, tenta ser alegre.

Todos os leitores desta saga, em algum momento já se perguntaram como alguém tão doce como ela poderia se apaixonar por alguém tão rude como Clarckson, e nesta história ela nos faz entender como o tempo pode mudar alguém. São onze capítulos mostrando o processo de sua seleção, as outras selecionadas, suas cartas para a irmã, Adele, e momento incrível em que ela descobre que vai ser a próxima rainha de Ilhéa. Essa história maravilhosa nos dá um gostinho a mais sobre acontecimentos que ocorreram muito antes de Maxon nascer, e o que era apenas um rascunho na imaginação dos fãs se mostra numa realidade gostosa de ler. 



(foto via: My dear library)

2. O Príncipe 


 Se passa alguns anos depois, e começa quando o príncipe Maxon está se preparando para sua seleção.

"A primeira vez que entrei na cabeça de outro personagem do universo da Seleção foi na de Maxon", 

Kiera conta na introdução,

"Devo dizer que, de longe, Maxon foi o mais fácil. Apesar de suas preocupações e das explosões de seu temperamento, ele foi o personagem mais disposto a compartilhar seus sentimentos, até mais que America."

 Ao longo da saga, Maxon se mostra ser alguém com uma vida agitada, mas consegue levar isso com muita tranquilidade. Isso nos faz indagar: como ele consegue? Foi interessante também ver no conto como se passou todo o início da seleção pelo ponto de vista do príncipe. Maxon nos mostra um lado da história que permanece oculto na primeira trilogia, e que é muito maravilhoso desvendar. 


(foto via: naialina.blogspot.com.br)



3. O Guarda

"No lado oposto o esforço de Maxon para conquistar America estava o garoto que conquistou o coração dela primeiro". Os pensamentos de Aspen (Ou general Leger) permanecem tão ocultos quanto os de Maxon. O Guarda é ainda mais intrigante ao mostrar como o coração de Aspen amadureceu e como seus sentimentos quanto America mudaram. Muitas coisas sobre ele permaneceram ocultas até o final da história,e é interessante finalmente descobrir como ele aprendeu a lidar com toda aquela confusão a sua volta, e ao mesmo tempo, ver como ele se esforçou para reconquistar o coração de America. 

  
(Foto via: draftsdanica.com.br)
4. A Favorita

Quem não ama a Marlee? Mesmo sendo a melhor amiga de America, as coisas sobre ela nunca foram as mais claras. Em A Favorita, acompanhamos o meio de A Elite e o final de A Escolha a partir de um ponto de vista muito divertido e encantador (igualzinho a Marlee haha). Além de que, como bônus, conseguimos conhecer a relação dela com o Carter e ver de perto tanto como eles se conheceram quanto como eles conseguiram superar todas as dificuldades das consequências de lutar por um amor. Um amor verdadeiro, por sinal. Como diz a própria Kiera Cass,

 "A história de amor de America estava em volta de tantas escolhas que era difícil para ela seguir em frente. A história de amor de Marlee é simples e linda.".

(Foto via: mydearlibrary.com)


5. A Criada

O quinto conto mostra um lado muito inexplorado da história até então. É narrado por Lucy e trás fatos muito complicados de se contar sem mencionar spoilers, então pode se dizer que tudo que aconteceu envolvendo uma das criadas mais doces de America ficou um tanto vago durante a trilogia, mas esses fatos são mostrados de uma perspectiva incrivelmente nova e surpreendente. 




O livro conta ainda com cenas que conhecemos muito bem mas com a narrativa de Celeste, um segundo e maravilhoso epílogo de A Escolha, o que aconteceu com as garotas da Elite e que final elas encontraram, um mapa maravilhoso de Ilhéa e ainda o primeiro capítulo de A Sereia (The Siren), o mais novo livro de Kiera Cass. 

Então, gostou? Nos conte!

Por Ester Meireles


Deixe um comentário