"Opiniões só são levadas à sério quando se tem um fundamento aceitável." 
- Dêner B. Lopes, autor.



 Hoje, iremos falar de "Cidades-Mortas", uma distopia nacional que promete muito.


☛ O livro

Cada uma das 10 Cidades da nação de Lisarb escolherá, por meio de voto dos habitantes, um casal de jovens entre 15 e 18 anos para o Festival das Cidades-Mortas. Os 20 Eleitos serão encaminhados para a Cidade-Morta selecionada, onde serão confinados e terão que escapar dos soldados-robôs que irão se dispersar pelo local, com claras intenções de morte lenta.

Todos aqueles que conseguirem sobreviver até o final das duas semanas de confinamento, terão a honra de fazer dois pedidos, possíveis e aprovados pelo Presidente, é claro. As seleções começarão no dia primeiro do último mês do ano e o Festival terá início no dia terceiro após os Eleitos serem anunciados. O confinamento será acompanhado por toda Lisarb por meio da TV aberta durante todos os dias do Festival, ao fim das noites.

Aos Eleitos, com toda a verdade, desejamos sorte e, acima de tudo, coragem.

David Neil e Boris Alvimar (Diretor da Emissora RGS-14 e Presidente da República).

 Em seu romance de estreia, Dêner B. Lopes traz ao leitor mais que um Jovem-Adulto distópico. Mostra de uma maneira fria e imparcial até onde as pessoas vão para conseguir impôr suas opiniões e o que fazem para conseguir sobreviver a uma caçada mortal. 

 Com uma ditadura futurista nunca antes retratada na literatura nacional contemporânea, Dêner B. Lopes apresenta ao leitor um mundo não tão distante quanto pensamos estar.






☛ O autor 

“Como os três livros da autora Suzanne Collins não mencionavam uma única frase 
sobre o que acontecia, ou como as outras nações ao redor do mundo eram,
 tive esse pensamento em mente.”

 Dêner B. Lopes nasceu no inverno de 1995, em Minas Gerais, no Brasil. Participou, também, da antologia de contos fantásticos "Utopia" (Andross Editora, 2014). "Cidades-Mortas" é o primeiro volume de uma série.






☛ Onde encontrar



~ ~ ~ ~ ~ ♪♫ ~ ~ ~ ~ ~ 

Siga o Você é tão Livro por ai:


Por Flávia Bergamin


Um Comentário

  1. Oi Flávia, tudo bem?
    Já vi muitos comentários sobre esse livro e amei a sinopse dele!
    Parece ser bem futurista e muito criativo né? Vou aguardar sua resenha!
    Beijos e boas leituras!

    ResponderExcluir