De Suzanne Collins,
Rocco

    Em Chamas, como muitos já devem saber, é o segundo livro da trilogia Jogos Vorazes e, na minha opinião, o melhor livro. 
    Após vencerem os Jogos Vorazes, Katniss e Peeta desafiaram e ridicularizaram o governo da Capital, afinal não são permitidos dois vencedores e sim 'um único vencedor'. O desfecho do evento e atitude dos dois provoca uma aparente revolta na população de Panem.
    Todos os vencedores têm direito a 'uma vida melhor', quero dizer, uma casa melhor e com Katniss não poderia ser diferente. Não era mais 'necessário' caçar, se sacrificar e nem passar fome. A vida dela e de sua família mudara completamente, porém, não foi para melhor.
     Com Peeta, as coisas também melhoram, mas como ele nunca precisou trabalhar duro ((mesmo)) para sobreviver, as mudanças financeiras não foram tantas. 
     Já Gale, que precisou mais uma vez ter que ver as cenas entre Katniss e Peeta, continuou com sua vida difícil, talvez um pouco mais triste.
   Snow usa o romance que aparentemente acontece entre os dois como uma arma pronta apontada para a cabeça de Katniss, que precisa fazer com que todos acreditem que seja mesmo real e não um simples plano contra a Capital. 
  Como se isso já não bastasse, eles são obrigados a participar da 'turnê da vitória' e encarar família por família de todos aqueles que eles viram morrer -inclusive a de Rue, na qual julgo ser a mais difícil para Katniss. 
    Durante e após a turnê, as coisas não são mais as mesmas, de modo que, não só os dois mas toda a equipe percebe que há uma revolta se espalhando e o início, o centro e a inspiração de tudo é senhorita Everdeen -e não estamos falando de Prim.
    Mesmo não tendo noção disso, os atos de Katniss tanto dentro como fora da arena, mudaram a opinião das pessoas, dando-lhes uma esperança, coisa que poderia ser boa, mas resultou em coisas ruins.
     É claro que depois de passar pelos Jogos, nenhum tributo consegue ter a 'paz', mas o que eles conseguiram não chegou nem perto de algo parecido. No lugar de uma 75ª edição comum, esse ano seria o Massacre Quartenário, que ocorre a cada 25 anos. E especialmente neste ano, Snow conseguiu se superar, acabando com o sossego de quem nem chegou a recebê-lo.
     Bem, presumo que a resenha acabe aqui, afinal caso eu for adiante só haverá spoilers. 
    Um livro ótimo, e com um ótimo enredo, Em Chamas foi adaptado para as telonas no dia 15 de Novembro deste ano, aqui no Brasil -e dia 22 no mundo todo. Não há como deixar de ler. :)

    


Deixe um comentário