Seja nos cinemas ou na tv, o terror faz sucesso. O medo atrai as pessoas. A DarkSide Books é especialista no assunto, então trouxemos um top cinco livros assustadores - ou não!- para você ler! Mas cuidado: ler DarkSide pode ser viciante!





 Você realmente conhece todas aquelas pessoas listadas como seus amigos? Se o velho ditado “quem vê cara não vê coração” for mesmo verdade, o que se pode dizer sobre todos aqueles avatares sorridentes que você adicionou?

A realidade, ainda que virtual, pode ser bem mais assustadora que a ficção. Enquanto um vampiro precisaria ser convidado para entrar, um psicopata on-line não vai perder a oportunidade de entrar quando encontra janelas abertas. Cuidado com o que você curte.

Este é um livro assustadoramente verdadeiro. Seus autores, RJ Parker e JJ Slate, reúnem alguns dos casos mais angustiantes de criminosos que usaram as redes sociais para se aproximar de suas vítimas. Stalkers, predadores sexuais, assassinos, canibais, torturadores. A lista, infelizmente, não é pequena. E novas solicitações de amizade continuam chegando a cada dia.

O livro SOCIAL KILLERS - AMIGOS VIRTUAIS, ASSASSINOS REAIS é um alerta para todos nós, que passamos tanto tempo conectados.


PROTEJA-SE AGORA
Amazon Cultura Submarino Americanas Shoptime Folha



STAR WARS - A TRILOGIA


O livro reúne os romances inspirados nos três primeiros filmes do universo fantástico criado por George Lucas: Uma Nova Esperança, O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi. Os três títulos chegaram a ser lançados no Brasil, sendo o último deles em 1983. Mas esta será a primeira vez que a trilogia completa é editada em nosso país num único volume, ilustrado e em capa dura. 

Os três episódios mais importantes da saga imortal Star Wars - A Trilogia compreende o período clássico da franquia que mudou os rumos da indústria cinematográfica.

Star Wars não é apenas uma saga de ficção científica. Trata-se de um universo mitológico que extrapolou os limites das salas de cinema e entrou definitivamente na cultura popular. Expressões tiradas de diálogos originais como “Venha para o Lado Negro” ou “Que a Força esteja com você” já se tornaram corriqueiras em diversos idiomas. No censo realizado na Grã-Bretanha em 2002, quando indagados sobre suas crenças religiosas, cerca de 400 mil pessoas declararam-se fiéis à filosofia Jedi. Novas homenagens surgem todos os dias, das paródias do Youtube à banda Metallica, que regravou a marcha imperial, tema composto por John Williams para o personagem Darth Vader.


VIRE UM JEDI AGORA!
AMAZON | SARAIVA | AMERICANAS | SUBMARINO | SHOPTIME | CIA DOS LIVROS LIVRARIA DA FOLHA | MARTINS FONTES | TRAVESSA  | FNAC | CULTURA




Até o futuro chegou primeiro que a quarta temporada de Sherlock, mas não, isso não tem nada a ver.

 O futuro está de volta. Há 30 anos, Marty McFly fazia sua primeira viagem no tempo, a bordo de um DeLorean. Tinha início uma das maiores trilogias da história do cinema. De Volta Para o Futuro é um marco da cultura pop, conquistando gerações de fãs leais a cada reprise na tv ou nos relançamentos em todas as mídias possíveis, do vhs piratão aos modernos vídeos on demand.

 O livro de Caseen Gaines é o documento mais completo sobre a trilogia De Volta Para o Futuro, além de ser uma verdadeira aula sobre cinema. Para conseguir reunir informações exclusivas, muitas daquelas que nem o mais apaixonado dos fãs conhecia direito, o autor levou vinte meses de pesquisa e conduziu mais de quinhentas horas de entrevistas com equipe técnica, elenco e fãs. O diretor Robert Zemeckis, o produtor e corroteirista, Bob Gale, o insubstituível Christopher Lloyd (Dr. Emmet Brown) e até mesmo Huey Lewis, autor de “Power of Love”, canção-tema do filme de estreia, relembram, com detalhes, como a saga ganhou vida. Críticos de cinema, documentaristas e fãs dedicados também ajudaram a enriquecer o conteúdo do livro.

 Entre as muitas curiosidades desvendadas por Caseen Gaines estão os verdadeiros motivos que levaram Zemeckis a demitir Eric Stoltz (Máscaras do Destino, Pulp Fiction), o primeiro ator a interpretar McFly diante das câmeras; por que De Volta Para o Futuro quase se chamou O Homem de Plutão; como Chuck Berry quase sabotou o solo de guitarra de Marty; ou ainda, por que a velocidade necessária para o DeLorean viajar no tempo é de 88 milhas por hora?



COMPRE O SEU AGORA:







 É só um jogo. Isso é o que pensa Henrik “HP” Peterson, protagonista da Trilogia The Game, ao aceitar um convite anônimo, via celular, para participar de missões inusitadas pelas ruas de Estocolmo. Mas a cada tarefa cumprida, e devidamente compartilhada na rede, ele tem a sensação de que a brincadeira está ficando séria demais.

Será paranoia? Ou será que HP está realmemte caindo numa poderosa rede de intrigas, com conexões que poderiam chegar aos responsáveis pelo assassinato do primeiro ministro sueco em 1986 ou até mesmo aos ataques do 11 de setembro? Quem afinal está por trás desse JOGO? Você tem coragem de investigar?

 Então você precisa ler [O JOGO], primeiro livro da Trilogia The Game, de Anders de la Motte. Uma saga eletrizante que combina a escola sueca de suspense (vide Stieg Larsson) com o vazamento de informações no mundo pós Edward Snowden.

Anders de la Motte é um ex-policial e diretor de segurança de informação de uma das maiores companhias de TI do mundo. Está desenvolvendo uma série para a TV americana com duas produtoras: Gaumont (de Narcos) e a dinamarquesa Good Company Films (que adaptou os livros de Stieg Larsson).

 A Trilogia The Game conta a história de HP, o pequeno trambiqueiro que está só contando o tempo necessário para largar o subemprego e voltar a receber o seguro social. A outra jogadora é a detetive Rebecca Normén, recém promovida para o grupo de elite do Serviço de Segurança sueco. Enquanto sua carreira decola quase por acaso, mensagens anônimas deixam claro que segredos do seu passado não estão tão bem guardados assim.


JOGUE AGORA:
AMAZON | CULTURA | SUBMARINO | AMERICANAS | SHOPTIME | FOLHA


A MENINA SUBMERSA

Obsessões e assombrações à flor da pele. Uma “obra-prima do terror e da fantasia dark” da nova geração.

'A Menina Submersa - Memórias' é um verdadeiro conto de fadas, uma história de fantasmas habitada por sereias e licantropos. Mas antes de tudo uma grande história de amor construída como um quebra-cabeça pós-moderno, uma viagem através do labirinto de uma crescente doença mental. Um romance repleto de camadas, mitos e mistério, beleza e horror, em um fluxo de arquétipos que desafiam a primazia do 'real' sobre o 'verdadeiro' e resultam em uma das mais poderosas fantasias dark dos últimos anos. Considerado uma 'obra-prima do terror' da nova geração, o romance é repleto de elementos de realismo mágico e foi indicado a mais de cinco prêmios de literatura fantástica, e vencedor do importante Bram Stoker Awards 2013. A autora se aproxima de grandes nomes como Edgar Allan Poe e HP Lovecraft, que enxergaram o terror em um universo simples e trivial - na rua ao lado ou nas plácidas águas escuras do rio que passa perto de casa -, e sabem que o medo real nos habita. O romance evoca também as obras de Lewis Carrol, Emily Dickinson e a Ofélia, de Hamlet, clássica peça de Shakespeare, além de referências diretas a artistas mulheres que deram um fim trágico à sua existência, como a escritora Virginia Woolf.

MERGULHE NA MENTE DE IMP AGORA:
AMAZON CULTURA CIA DOS LIVROS SUBMARINO AMERICANAS SHOPTIME SARAIVA FOLHA MARTINS FONTES

Nem todos os livros listados são "assustadores", mas a editora é especialista quando o assunto é capricho na edição. Corre lá no site deles e não perca tempo de adquirir o seu livro!

Por Flávia Bergamin


2 Comentários

  1. Da lista, o único que li foi A Menina Submersa. Li também Psicose e Onde Cantam Os Pássaros publicado por eles. Estou ansioso para ler O Demonologista.
    Abraços
    Blog do Ben Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ben!
      Esperamos que goste de O Demonologista <3

      Excluir