No inicio do mês, a Editora Novo Conceito se adiantou, e divulgou os lançamentos do mês de agosto. Agora é a vez da Rocco. Confira, porque vem coisa boa por ai:


 ONZE ANÉIS – A alma do sucesso, Phil Jackson & Hugh Delehanty


À frente do Chicago Bulls e do Los Angeles Lakers, Phil Jackson ganhou mais campeonatos do que qualquer outro técnico na história do esporte. Fiel a princípios éticos, o autor de Cestas sagradas, que ganha reimpressões sucessivas desde que foi publicado pela Rocco, em 2001, 
faz agora, em Onze anéis, uma estimulante revisão de sua carreira,dividindo com o leitor os ensinamentos que fizeram dele o maior técnico de basquete de todos os tempos. Um livro motivador para líderes ou aspirantes, para fãs de esporte ou de biografias e para todos que buscam inspiração para trilhar o caminho do sucesso, com 
uma gestão baseada no vínculo e no respeito entre os integrantes de uma equipe. 





                                                           SKAGBOYS, Irvine Welsh



Skagboys encerra a trilogia iniciada por Trainspotting, que rendeu a Irvine Welsh uma posição de destaque na literatura britânica contemporânea, e completada por Pornô, ambos publicados pela Rocco. Escrito quase duas décadas após Trainspotting, o livro situa-se cronologicamente como o primeiro da trilogia, mostrando o início do contato de Mark Renton, Sick Boy e sua turma de amigos com o mundo das drogas pesadas e a influência do contexto social escocês 

da década de 1970 sobre os personagens. Com tradução de Daniel Pellizzari e Daniel Galera, Skagboys é a melhor porta de entrada para a trilogia que, ao mostrar o pior viés possível do clichê “sexo, drogas e rock’n’roll”, revela como a farra e a diversão também podem ser uma forma de desespero.






O ADEUS À EUROPA – A América Latina e a Grande Guerra (Argentina 

e Brasil 1914-1939), Olivier Compagnon


Escrito pelo historiador francês Olivier Compagnon, professor da Universidade Sorbonne-Nouvelle, O adeus à Europa é um brilhante estudo sobre o impacto da Primeira Guerra Mundial na América Latina. Rompendo com a historiografia tradicional, que não valoriza a importância do conflito para a região, Compagnon mostra que a guerra 
influenciou a vida política e cultural de países como o Brasil e a Argentina e foi um divisor de águas nas relações entre o Velho e o Novo Continente, à medida que a Europa deixou de ser o ideal de civilização das jovens nações latino-americanas, abrindo espaço para que os Estados Unidos se tornassem um ator político fundamental na região.Tradução: Carlos Nougué








OS LOBOS DA INVERNIA, Anne Rice




Na continuação de A dádiva do lobo, em que narra a surpreendente formação de um lobisomem, Anne Rice traz de volta o jovem Reuben Golding, antes um simples repórter do San Francisco Observer, agora transformado num híbrido entre dois mundos e vivendo sob a tutela dos Morphenkinder na suntuosa mansão de Nideck Point, na costa da Califórnia. Às vésperas do Natal, Reuben está tomado pela dádiva do 
lobo. Mas apesar do clima festivo, ele se sente inquieto, assombrado por fantasmas de seu passado e por dúvidas em relação ao verdadeiro significado do que se tornou no assustador e excitante Os lobos da invernia. 







NADANDO DE VOLTA PARA CASA, Deborah Levy


Finalista do Man Booker Prize e eleito livro do ano pelo New York 
Times Book Review, Nadando de volta para casa, da britânica Deborah Levy, é um romance surpreendente sobre relacionamentos frágeis, segredos de família e o poder do não dito. Com uma trama elíptica e perturbadora, o livro relata o que seria a idílica viagem de um poeta britânico à Riviera Francesa, com amigos e família, até uma jovem aparecer nua, na piscina da casa. Enigmática, Kitty Finch persegue Joe, seu autor favorito, com a intenção de lhe entregar um poema, e toda a narrativa gira em torno do tenso momento em que o escritor expõe sua opinião sobre a obra da jovem, levando a história a um desfecho surpreendente.



LEALDADE A SI PRÓPRIO, Paulo Valente



Autor de livros infantis e obras de economia, o carioca Paulo Valente aprendeu a contar histórias com sua mãe, a escritora Clarice Lispector, e seguiu a tradição contando para seus dois filhos. Agora, ele estreia na ficção adulta com Lealdade a si próprio, romance histórico que tem como pano de fundo a Segunda Guerra Mundial. No livro, ficção e dados reais se misturam para contar a história de filhos de imigrantes alemães, japoneses e italianos que, quando o Brasil abandonou a neutralidade para entrar na guerra, tiveram que escolher entre lutarpelo país que os acolheu ou manterem-se fiéis às suas origens. Acompanhando a trajetória de três personagens de origens diferentes, cujas histórias por vezes se cruzam ao longo da trama, o romance se estende até os dias atuais.


A LOURA DE OLHOS NEGROS, Benjamin Black




Com o pseudônimo de Benjamin Black, o premiado irlandês John 
Banville conquistou os leitores e a crítica com surpreendentes tramas policiais. Em A loura de olhos negros, Black se lança numa empreitada ainda mais desafiadora: dar vida a Philip Marlowe, o incomparável detetive particular criado pelo norte-americano Raymond Chandler. Na trama, ambientada na Los Angeles dos anos 1950, enquanto investiga o desaparecimento de um homem a pedido de uma nova cliente, Marlowe se vê envolvido com a família mais rica da região, capaz de tudo para proteger sua fortuna. A loura de olhos negros traz de volta Philip Marlowe com todo o charme e estilo originais, numa aventura afiada e moderna.



UMA HISTÓRIA DE SILÊNCIO, Lloyd Jones



O premiado neozelandês Lloyd Jones, autor de O Sr. Pip, vencedor do Commonwealth Prize, entre outros romances, volta a sua terra natal em Uma história de silêncio, em que reconstrói o passado de sua própria família. A ideia surgiu numa vista a Christchurch após o terremoto que arrasou a Nova Zelândia em 2011. Em meio às ruínas da cidade que tenta se reerguer, o autor começa a juntar os fragmentos da história de seus antepassados e encontra um segredo guardado por gerações. O resultado é um romance em que passado e presente se explicam e se complementam na emocionante jornada de um homem em busca de si mesmo.







O OUTRO LADO DA SOMBRA, Mariana Portella





Um sujeito inseguro, ansioso e um tanto depressivo que tem dois únicos prazeres na vida: a música e a literatura. Desacreditado desde a infância até mesmo pela mãe, Soren nunca soube o significado de felicidade. Mas nunca desistiu de tentar se encontrar e de buscá-la. Soren é o protagonista de O outro lado da sombra, romance de estreia da carioca Mariana Portella. No livro, ele experimenta uma experiência de quase-morte após um incidente numa viagem a Dublin. Ao acordar de um coma de quase um mês, Soren aos poucos vai decifrando os “sinais” que a vida envia a todo momento e finalmente encontra o amor e a paz interior que tanto buscava, num desfecho surpreendente.




REFLEXOS DO SOL-POSTO, Ivan Junqueira


Reflexos do sol-posto é o primeiro de dois livros inéditos deixados pelo poeta, ensaísta, crítico literário e tradutor Ivan Junqueira, morto no início de julho, a serem publicados pela Rocco. No livro, o autor reflete sobre o cenário nacional das letras em críticas e análises feitas ao longo dos últimos anos, com especial atenção à poesia. Machado de Assis, Augusto dos Anjos e João Cabral de Melo Neto estão entre os objetos de reflexão de Junqueira, que ocupava a cadeira de número 
37 da Academia Brasileira de Letras. “Reflexos do sol-posto 
empreende, com bastante saber e sabor, uma lauta viagem através de boa parte da história da poesia brasileira – do Romantismo à contemporaneidade”, afirma Ricardo Vieira Lima na orelha. 





CEMITÉRIOS DE DRAGÕES, Raphael Draccon



Em diferentes pontos do planeta Terra, cinco pessoas com histórias e origens completamente distintas desaparecem por motivos variados e acordam numa outra realidade. Em meio a guerras envolvendo demônios, dragões, homens-leão, seres fantásticos e metal vivo, os cinco precisam compreender os motivos de estarem ali e combater 
um mal que talvez não possa ser impedido. Este é o mote de 
Cemitérios de dragões, o novo romance de Raphael Draccon, que marca a estreia do selo Fantástica. No livro, o autor de Dragões de Éter apresenta uma versão moderna e adulta de um universo inspirado por séries queridas por toda uma geração como Jaspion, Changeman, Flashman, Black Kamen Rider e Power Rangers.
Selo: Fantástica Rocco
Páginas: 352 | Preço: R$ 34,50




O REINO DAS VOZES QUE NÃO SE CALAM, Carolina Munhóz & Sophia Abrahão


Em sua estreia na Rocco e marcando também a chegada do selo Fantástica, a escritora Carolina Munhóz, ganhadora do Prêmio Jovem Brasileiro por seu primeiro livro, A fada, apresenta O Reino das vozes que não se calam, escrito em parceria com a atriz e cantora Sophia Abrahão. Espécie de conto de fadas contemporâneo, em que um mundo mágico é palco para uma história de autoconhecimento e o poder dos sonhos, o romance conta a história de Sophie, uma garota 
cansada de sofrer com a indiferença das pessoas até descobrir um Reino onde seus talentos são reconhecidos. Cedo ou tarde, porém, ela terá que decidir entre a realidade e a fantasia, numa jornada repleta de descobertas e 
desafios.






BIA NÃO QUER DORMIR, Thalita Rebouças


Fenômeno da literatura juvenil nacional com mais de 1,4 milhão de livros vendidos, Thalita Rebouças estreou na literatura infantil em 2013 com Por que só as princesas se dão bem? e, com seu bom humor característico, conquistou as leitoras mirins ao contar a história de Bia, uma garota apaixonada por princesas... até se tornar uma! No novo livro, Bia está de volta, mas dessa vez a menina esperta e “perguntadeira”, inspirada na afilhada da escritora, não consegue dormir. E quando sua madrinha sugere que ela conte carneirinhos, a coisa fica ainda mais complicada. Afinal, que carneiros são esses? Quantos ela precisa contar? Onde eles vivem? Bia não vai dormir enquanto não explicarem essa história direitinho. 




COMEÇO, MEIO E FIM, Frei Betto


Como falar sobre a morte com crianças? Este é um desafio que poucos escritores ousam enfrentar. Frei Betto o faz, com delicadeza e sensibilidade, em Começo, meio e fim, seu primeiro infantil pela 
Rocco. O livro conta a história de uma menina que, numa visita ao avô adoentado, acaba aprendendo um pouco mais sobre a vida, o amor e a fé, ao lidar com a iminência da morte. Afinal, ela logo percebeu que aquele domingo não tinha cara de algodão-doce como todos os outros, e até a avó, cujo semblante lembrava bolo de chocolate, naquele dia estava mais para farinha crua... A linguagem 
descomplicada e as graciosas ilustrações de Vanessa Prezoto tornam o assunto menos amargo para os pequenos.



ÓRFÃO DO DESTINO – O Jovem Templário #3, Michael P. Spraldin


No desfecho da trilogia O Jovem Templário, protagonizada por um 

garoto chamado para acompanhar um respeitado Cavaleiro Templário como seu escudeiro, Órfão do destino traz o jovem Tristan e seus companheiros na costa da Inglaterra, de posse do Santo Graal. Mas o perigo continua à espreita, sob a forma de traição, e o jovem órfão ainda não chegou ao fim de sua jornada. Será que Tristan será capaz de proteger a maior relíquia do cristianismo e cumprir sua delicada missão? Aventura, mistério e uma primorosa reconstrução histórica transportam os leitores para a Idade Média no emocionante volume final da trilogia de Michael P. Spraldin.





Deixe um comentário